Notícias

Mulheres reunidas do Rovuma ao Maputo, para apelar a Paz e denunciar a opressão, militarismo e Violência

 

 

 

 

 

 

 

 

 

No âmbito da 4 acção internacional da Marcha Mundial das Mulheres, decorre desde terça feira 29 de Setembro de 2015, a formação Política Feminista regionais em Nampula (norte), Tete (centro) e Inhambane (sul) que irá culminar com uma acção publica nacional, no dia 2 de Outubro, onde as mulheres irão para denunciar a violência contra as mulheres, o militarismo, a discriminação, opressão que o sistema patriarcal está usando para limitar o usufruto dos seus direitos e liberdades. 

Nos encontramos numa semana que deviamos a estar a comemorar a paz, mas temos vivido momentos de tensão e medo decorrente da instabilidade politico militar materializado através de ataques a carros na zona centro. Este cenário está directamente ligado ao boom da descoberta de recursos minerais e naturais, que por sua vez tem subsidiado aquisição de armas de fogo e causado conflitos. As mulheres do Rovuma ao Maputo, afirmam em uníssono *Não queremos a Guerra, queremos a Paz*. As mulheres apelam ao presidente da República e ao líder da Renamo que voltem ao diálogo e encontrem um forma pacífica de resolução dos diferendos. As mulheres, exigem que se garanta a paz, tranquilidade para o povo particularmente para os grupos mais vulneráveis como mulheres e crianças.

Mais artigos...